Re-Escrever o Pós-Moderno \ Colóquio



Reescrever o Pós-Moderno
Sete entrevistas & não só...

17-18 de Novembro de 2011 \ Colégio das Artes \ Coimbra
____________________
Por ocasião do lançamento do livro Reescrever o pós-moderno, que publica sete entrevistas de Jorge Figueira a alguns actores da arquitectura portuguesa, vai ser organizado em Coimbra um colóquio e uma exposição com o objectivo de, sob um olhar descomprometido, escrutinar a questão da pós-modernidade.

No contexto português, a dimensão lúdica e festiva do pós-moderno assinalou a clivagem entre a filiação a tendências internacionais e a tentativa de circunstanciar a prática nos processos de emancipação portuguesa no pós 25 de Abril. 
Afinal, após a maturação dos anos 60, os processos transformadores dos anos 70, a euforia dos anos 80, o que sobra do pós-moderno? E como se poderão, hoje, compreender e digerir os seus argumentos, imaginários e práticas?

O colóquio, organizado por Jorge Figueira e André Tavares numa parceria da Dafne Editora com o CES-CCArq, terá três momentos distintos. O primeiro revisita, através de alguns autores comprometidos com as actividades pós-modernas, alguns momentos chave do teatro, cinema e arte. O segundo constrói um olhar crítico a partir de uma visão posterior ao momento quente. A conclusão terá a forma de um balanço em torno da cena internacional.

A exposição, também organizada por Jorge Figueira e André Tavares, terá lugar na Galeria do Colégio das Artes e estará patente até 18 de Dezembro. 

Consulte o programa do colóquio e saiba mais informações sobre a exposição e o evento na página Reescrever o Pós-Moderno .

Organização: Dafne Editora / CES-CCArq Apoio financeiro: dgArtesApoio institucional: OASRN / dARQ / Colégio das Artes 

Saiba mais sobre o livro em www.dafne.com.pt e encomende-o por via postal através desta página.